Entrevista: Nádia Tamanaha, do GirlieDotCom

A partir dessa semana o DeLuna vai começar uma categoria nova no blog: entrevistas. Toda semana vai ter um bate papo com pessoas bacanas, interessantes e, que, de alguma forma, tem algo a acrescentar. Para estrear essa sessão, não podia escolher outra pessoa se não Nádia Tamanaha, uma das autoras (junto com a Nathy Buracoff) do GirlieDotCom (o irmão mais velho do DeLuna), posso dizer que, com certeza, ela foi uma das maiores incentivadores desse espaço.

Jornalista, 22 anos, divide o tempo entre as matérias da revista e site da Boa Forma, e os posts diários do Girlie, onde não precisa de máscaras para falar o que pensa sobre moda, beleza e outras coisas. Com vocês, Nádia Tamanaha ou Namanita…

Eu e a Nádia, amizade antiga; A Japa (um pouco antes do meu casamento) e o amado, Gabriel

DeLuna: Como surgiu a idéia de criar o blog?

Nádia: Sempre tive blogs, mas nunca levei a sério ou me dediquei o suficiente. Na lista, tem blogs de moda, de textos mais pessoais, de cultura e vários outros assuntos – alguns ainda existem, hehe. Pouco antes de começar com o Girlie, minha editora na Boa Forma me convidou para fazer o Fiz em Casa. Quando contei para a Nathy, ela me convidou para fazer um blog de moda e beleza com ela. Aí, eu vi a oportunidade de me aventurar em uma área que está em crescimento e ainda contar com o apoio de alguém. E, por enquanto, está dando super certo!

DeLuna: Qual o seu maior incentivo em fazer o GirlieDotCom?

Nádia: Como eu disse, sempre tive blogs, mas nunca levei a sério, em parte porque nunca tinha comentários, haha! Então, para mim (e acredito que para muitos blogueiros de todas as áreas), os comentários são um dos principais combustíveis. Afinal, é muito chato você fazer os posts e não obter nenhum feedback. Mas o que realmente me motiva a continuar, além da paixão por moda e beleza, é que, por meio dos e-mails que recebo, vejo que compartilhar dicas e truques sobre esses dois assuntos realmente podem ajudar alguém a gostar mais do que vê no espelho – e isso reflete em todos os aspectos. E é isso o que me deixa feliz: ver que a moda e beleza podem ser mais do que simples futilidades.

DeLuna: Você já se surpreendeu com o resultado de algum post?

Nádia: Sim! Os posts de looks são um dos favoritos das leitoras do Girlie! A primeira vez que postei, não achei que faria tanto sucesso. Agora, quando fico um tempo sem postar looks, sempre vem alguém e cobra! E isso é muito legal! Em específico, o post que fiz em homenagem à minha mãe também rendeu comentários lindos! Fiquei muito feliz!

Corinthians, uma de suas paixões; Curtindo o visual de Santa Catarina; Em ação na frente do espelho; Com o cabelo curtinho, um dos seu visuais.

DeLuna: O que espera do blog?

Nádia: Hoje em dia, os blogs estão super em alta e, infelizmente, percebo que muitas pessoas estão entrando para esse mundo para ter privilégios. Acho isso super chato e definitivamente essa não foi a minha razão para fazer o Girlie. É claro que os privilégios aparecem e são super legais, não vou mentir. Mas não devem ser o motivo principal para se fazer um blog. O que eu realmente espero do blog é ser reconhecida pelo meu trabalho, pois faço com muito carinho e dedicação. Quero poder ajudar as pessoas com o pouco que sei sobre moda e beleza e continuar falando sobre o que eu gosto e trocando figurinhas com as outras meninas.

DeLuna: Que acha mais legal em ser blogueira? E o mais chato?

Nádia: O mais legal é poder falar sobre que você gosta sem censura, trocar informações com as outras blogueiras e acabar virando uma referência no assunto. O mais chato é que, por rolar muita exposição, você acaba ficando sujeita às críticas. Quero dizer, as críticas construtivas são muito bem-vindas, mas a maioria, infelizmente, não sabe expressar uma opinião contrária à sua sem ser desagradável. Outra coisa chata sobre ser blogueira de moda e beleza é que algumas pessoas acabam achando que você é só isso. E eu, assim como as outras, definitivamente sou muito mais do que isso – não que isso seja necessariamente bom… hahahaha!

DeLuna: O que imagina para o Girlie daqui um ano?

Nádia: Sinceramente… não sei, hahaha! Na verdade, em 7 meses de vida, o Girlie cresceu muito mais do que eu esperava. Achei que só chegaríamos ao patamar que estamos agora depois de um ano de vida, pelo menos. Então… não sei exatamente o que esperar do Girlie daqui um ano. Vou continuar fazendo o que faço e, claro, sempre tentando trazer coisas novas. E vamos ver no que dá!

Sempre cheia de estilo.

DeLuna: Como decidiu fazer jornalismo?

Nádia: Duas coisas que foram fundamentais para que eu decidisse ser jornalista: o Corinthians e a Capricho. Eu sei, são duas coisas totalmente diferentes, mas que acabaram resultando nesse desejo. A vontade de ser jornalista surgiu porque eu sempre amei o Corinthians e, aos 10/11 anos, só pensava nisso e, para me informar, lia muitos jornais e revistas. Depois, com 12, passei a ler Capricho, que também me fascinava. Para reforçar a vontade, na mesma época, minha irmã entrou na faculdade de jornalismo e quem acabou se apaixonando mais fui eu – hoje, ela nem exerce mais a profissão, haha! Foi quando decidi que queria ser jornalista e não mudei mais de opinião.

DeLuna: Se não fosse jornalista, seria o que? Se arrependeu de ter escolhido essa profissão?

Nádia: Antes de prestar vestibular, pensei em ser decoradora, nutricionista, fonoaudióloga ou fisioterapeuta. Mas hoje, não sei o que eu seria se não jornalista, não me vejo fazendo outra coisa – não é lindo? Hahaha! Não me arrependi de ter escolhido o jornalismo em  nenhum momento. Entrei na faculdade muito cedo, com 16 anos, e ouvi muita gente dizendo que eu era nova demais para decidir meu futuro. Claro que existiram momentos em que eu me perguntei se estava no caminho certo. Mas as coisas começaram a se encaixar e as dúvidas ficaram cada vez menores. Hoje, eu posso dizer que amo  o que faço e que, apesar de tudo, não trocaria o que tenho por nada.

DeLuna: O que fez de mais legal como Jornalista?

Nádia: Ah, fiz muitas coisas legais (a modéstia é uma das minhas qualidades, hahaha!). Eu trabalhei no departamento de esportes da TV Bandeirantes e, por lá, aprendi muito sobre a vida pessoal e profissional – e me diverti também. Gostei muito de trabalhar no Portal Terra, apesar da correria e do pouco tempo que fiquei lá. Mas acredito que o que eu fiz de mais legal foi o Curso Abril de Jornalismo. Eu tinha o sonho de fazer o curso desde os 16, mas achava que nunca conseguiria, já que são poucas vagas e muitos candidatos. Quando passei, nem acreditei! E, com certeza, o curso foi a minha porta de entrada para a Abril, lugar onde sempre quis trabalhar e onde sou muito feliz profissionalmente.

Aqui outras três paixões da Nádia: moda, a sobrinha (Tatá) e gatos.

DeLuna: Você aprendeu alguma coisa sendo blogueira?

Nádia: Aprendi que moda e beleza são muito mais do que futilidades e que todo mundo sempre tem uma dica valiosa para compartilhar. E aprendi também que todo cuidado é pouco na hora de escrever um post – qualquer deslize e você será mal interpretada!

DeLuna: Tem alguma dica para quem quer seguir seus passos?

Nádia: É clichê, mas a dica é fazer tudo com amor, prazer e capricho. E o primeiro passo para isso é gostar do que faz. E eu acho que todos deveriam ter um blog, ou algo do tipo, como hobby. A vida é corrida, eu sei, mas temos que encontrar tempo para fazer o que gostamos – e espaço é o que não falta na web!

DeLuna: Quais os 5 produtos indispensáveis para você?

Nádia: Aaaai, que difícil! Creme hidratante UV Perfect FPS 30, da L’Oreal; Um bom rímel, o queridinho do momento é o Big Eyes, da Eyeko; Um bom blush; Lápis de sobrancelha cor Universal, da Vult; e lápis preto de olhos, o que eu tenho usado mais é o da Mahogany.

DeLuna: Qual é a wish list do seu sonhos?

Nádia: Essa é mais difícil ainda, hahaha. Para facilitar as coisas, vou apenas dizer que gostaria de poder comprar sempre as coisas da MAC, Sephora, Lancôme, Givenchy etc. Na verdade, a minha wish list é ter dinheiro para comprar o que eu eu quero, mas sem cair no exagero, hahaha! Sonho meu… É por isso que é WISH list, né? Hahaha!

Anúncios

Sobre delunadelua

Maria de Luna, 31 anos, jornalista, apaixonada por muitas coisas da vida. Se descobrindo a cada dia como mulher e mãe. Esse aqui é um cantinho especial para trocar experiência e outras coisinhas mais.
Esse post foi publicado em Entrevista e marcado . Guardar link permanente.

9 respostas para Entrevista: Nádia Tamanaha, do GirlieDotCom

  1. Pingback: O que tem na nossa necessaire? « GirlieDotCom

  2. Adoro saber um pouquinho mais sobre as blogueiras 😉
    Beijossssss
    Jaque e Gra

  3. GirlieDotCom disse:

    Ameeeeei!
    Espero que as pessoas tenham paciência para ler minhas bíblias, haha! Mas adorei mesmo, estou me sentindo famosa e importante, haha!

    Beijo

    Japa

  4. Nathy disse:

    Ai que honra… ela são minhas amigas, genteeem! 🙂
    Mesmo sabendo de tudo já, adorei a entrevista. A Nad é dez!
    Amei a foto da praia.. Que cenário paradisíaco! Põe no calendário pra ilustrar o mês dezembro.

    Saudades e beijocas mil =*

  5. Pingback: Tweets that mention Entrevista: Nádia Tamanaha, do GirlieDotCom | De Luna -- Topsy.com

  6. Vanessa disse:

    Oi,

    A Na foi uma das pessoas que eu fico contente de ter conhecido mesmo que via blog. Encontrei o Girlie por acaso, numa andanca na web e desde entao, e um blog que eu gosto muito de visitar, ler e comentar! O post sobre a mae dela definitivamente quebrou a imagem inicial que eu tinha dela, de ser uma pessoa mais fechada, muito seria. E acho que com o passar do tempo, a Na comecou a escrever os posts de forma mais proxima, parece que nao escreve so como a Na jornalista e sim a Na amiga, como se estivesse bem mais proxima da gente! Ate fotos sorrindo ela tem postado! rs

    Admiro a Na pelas conquistas, pela atencao que ela da para as meninas, pelo esforco continuo em dar o melhor de si, de compartilhar mas tambem estar aberta a novas ideias e dicas das meninas. Gosto dela pq alem disso tudo, ela e japa como eu, e doida pelo corinthians como a minha mae e ama gatos….minha avo ja dizia, quem gosta ou tem animais e gente boa! rs

    So desejo sucesso para ela, pra Nathy, pro Girlie e pro De Luna que acabei de conhecer!

    Bjs meninas

  7. Tati Canto disse:

    Legal, adoro entrevistinhas!
    Bjs, Tati
    http://loveshoesblog.wordpress.com/
    @loveshoesblog

  8. Thyago disse:

    Admiração é pouco.

  9. Antonia disse:

    A Ná é linda!
    Adoro o estilo dela e as botas de cowboy
    Antonia
    http://makesporciaobella.blogspot.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s